Apesar da vasta e extensa pelagem dos cães da raça Yorkshire Terrier tinham no início do século passado, esta raça não teve grandes mutações nem modificações genéticas drásticas, como aconteceu com boa parte das raças caninas desde então.

Nas fotos abaixo podemos fazer tais comparações e análises que, no final, chegarão ao mesmo resultado.