Hoje em dia o número crescente de animais abandonados em ruas e/ou mesmo sendo maltratados e mortos por donos que não os querem mais, levantam um assunto muito importante, a castração dos cães.

Nas fêmeas esta cirurgia é chamada de ovário-histerectomia, na qual é retirado o ovário, útero e tubas uterinas. O pós-operatório leva de 7 a 10 dias aompanhada por um médico veterinário e com uso de medicamentos específicos até a retirada dos pontos. Além de impedir uma gestação indesejada a castração de fêmeas também previne o aparecimento de piometra (doença que causa acúmulo de pús no útero) e até mesmo tumores.

Nos machos o pós-operatório leva o mesmo tempo das fêmeas, com o nome de orquiectomia, os testículos são retirados preservando a bolsa escrotal. As vantagens neste caso é que se feita na juventude a cirurgia ajuda a evitar problemas com demarcação de território, o animal tende a ficar mais calmo e também previne alguns tipos de tumores como o de próstata.

Existes também desvantagens, que devem ser analisadas com o médico veterinário de sua escolha, mas não se pode negar que a castração de cães é uma boa maneira de evitar a super-população entre eles, não colaborando assim, com o abandono e maltrato dos mesmos. É uma ação a favor da vida deles! Procure orientação do veterinário.