Embora hoje também seja um animal de estimação, o Beagle ainda é utilizado na Inglaterra para a prática de caça à lebre e à raposa. Esses cães, originários do Reino Unido, agradaram a nobreza britânica por muito tempo, devido ao seu temperamento e à sua eficácia. Foi então que, no final do século XIX e no início do século XX, eles foram introduzidos na França, sendo muito bem recebidos, e em seguida, conquistaram o mundo.

O Beagle é um cão bastante dócil, mas também é extremamente ativo e cheio de energia. É um ótimo animal para se conviver, porém, está entre as raças mais difíceis de serem educadas. Para que isso aconteça, deve haver um treinamento firme, com muita paciência e tempo. Além de praticar caminhadas diárias de no mínimo 1 hora para “queimar” a energia da hiperatividade que impera em seu DNA canino.

Os cães da raça são de porte médio, com pelo curto e denso que pode ser encontrado em três combinações de cores: branco, preto e marrom; marrom e branco, ou marrom e preto. Possuem orelhas longas, um peito largo, um dorso fundo e uma cauda forte e de comprimento moderado. Seu peso varia entre 15Kg e 20Kg.

Galeria de Fotos